Palmas, terça 21 de agosto de 2018

Esporte a Motor

Volta à Cascavel de Ouro com pilotos de Minas e de São Paulo

11/06/2018 15h44

Fotos: Divulgação PaceCar Motorsport A PaceCar Motorsport e o VW Gol número 53 do trio Wilton Pena/Lucca Paulinelli/Zigomar Júnior.

  A união de pilotos mineiros e paulistas para a disputa da Cascavel de Ouro tem sido frequente nos últimos anos. A 32ª edição da corrida longa mais tradicional do Paraná, que será disputada em 18 de novembro no Autódromo Internacional Zilmar Beux, em Cascavel, terá mais ocorrências dessa parceria. A PaceCar Motorsport, por exemplo, revezará a pilotagem de seu carro, o VW Gol número 53, entre Wilton Pena, Lucca Paulinelli e Zigomar Júnior.

Os mineiros Pena e Paulinelli lideram em dupla a categoria Super do Campeonato de Marcas & Pilotos da Liga Desportiva de Automobilismo. Júnior, paulista, atuou em duas temporadas do Paulista de Marcas e em 2017 correu na Fórmula Vee. Atua como consultor de automobilismo para jovens pilotos e faz participações esporádicas disputando vitórias no automobilismo regional. A meta do trio é terminar a corrida no grupo dos cinco primeiros colocados.

“O sentimento é de que vai ser bem melhor que na primeira”, diz Pena, citando sua estreia na corrida na edição de 2016. “Andamos rápido nos treinos, entre os sete primeiros. Nosso motor quebrou na tomada de tempos, largamos em 17º com o motor que não era o bom e houve mais problemas na corrida, abandonamos. Vamos cuidar dos detalhes, a ideia é ganhar um dinheirinho”, manifesta – os cinco primeiros colocados terão premiação em dinheiro.

Paulinelli frisa o propósito do trio de subir ao pódio da Cascavel de Ouro. “A intenção é sermos competitivos durante todo o fim de semana. É uma prova difícil, com muita gente competente e com equipamento de ponta, mas vamos contar com um estrategista para integrar a equipe, assim teremos uma chance maior de chegar lá na frente ao fim da prova. Queremos figurar entre os cinco primeiros nos treinos livres e no grid, e entre os três na corrida”, estipula.

Júnior aponta a confiabilidade do equipamento como ponto primordial. “É uma corrida em que muita coisa acontece, precisamos que o equipamento seja competitivo o tempo todo. A PaceCar Motorsport é uma equipe com know-how para nos entregar um carro rápido e confiável. Em termos de pilotagem, nosso trio é competitivo, vamos trabalhar buscando um ritmo de corrida muito bacana do início ao fim. Claro que, no fundo, o objetivo é vencer”, pondera.

Pena é tricampeão mineiro de velocidade na terra e da categoria Marcas 1.6, a mesma que compõe o grid da Cascavel de Ouro. Acumula vitórias no Paulista e no novo campeonato da LDA. Júnior tem um título paulista da classe Light e um vice na Super. Também fez participações na Copa Clio. Paulinelli competiu na F-Vee e no Mineiro de Marcas, onde foi campeão da classe Light. Já atuou também no Endurance Brasil e no Mini VP.

INSCRIÇÕES
Pilotos e equipes podem solicitar a ficha de inscrição na 32ª Cascavel de Ouro por e-mail, com mensagem para cascaveldeouro2018@gmail.com, ou pelo número celular (45) 9 9937-1052. A disputa é aberta a pilotos inscritos carros da categoria Marcas & Pilotos 1.6, configurados pelo regulamento técnico do Campeonato Paranaense. A corrida terá duração de três horas e será transmitida ao vivo para todo o Brasil pelo canal BandSports.

O regulamento desportivo da Cascavel de Ouro estipula em R$ 5 mil a taxa de inscrição por carro, independentemente de serem dois ou três pilotos. Para inscrições efetuadas até 31 de julho há um desconto de 10%, trazendo a taxa a R$ 4,5 mil. Os vencedores da corrida receberão R$ 100 mil. Há prêmios de R$ 20 mil ao segundo lugar, de R$ 12 mil para o terceiro, de R$ 8 mil para o quarto e de R$ 5 mil para o quinto, além de R$ 5 mil pela pole position.



Grelak Comunicação

   

Comentários (0)

  • Nenhum comentário publicado. Clique aqui para comentar.